Ter em Conta - Aquecimento a Biomassa

A biomassa é uma importante fonte de energia renovável. Por definição a biomassa é um biocombustível com origem nos produtos e resíduos da agricultura (incluindo substâncias vegetais e animais), os resíduos da floresta e das indústrias da madeira. O produto mais vulgar da biomassa são os "pellets".

O nome Pellets vem do seu formato que se pode encontrar em outros produtos no mercado como rações para animais, fertilizantes etc. Para todos os efeitos os Pellets produzidos a partir de madeira são lenha, pequenos cilindros de madeira seca prensada (usualmente serrim e estilha provenientes da indústria da serração e resíduos da exploração florestal), com valores restritos e controlados de humidade, resina e água para a combustão e  com rendimentos extraordinários.

As florestas tem de ser limpas e tratadas, para que sejam sãs e para prevenir incêndios e dessa limpeza resulta enormes quantidades de lenha e outros resíduos que podem ser aproveitadas para aquecimento. Se tivermos em conta o potencial nacional no campo da biomassa, podemos concluir que os pellets poderão vir a desempenhar um papel de relevo nas opções energéticas, domésticas e industriais.

Temos assistido nos últimos anos a um grande desenvolvimento da tecnologia de queima, armazenagem e transporte de pellets. No que se refere às marcas de caldeiras, quase todas oferecem actualmente opções de caldeiras, dotadas de queimadores para este combustível com sistemas de controlo e gestão idênticos ao gás ou gasóleo. Apesar de tudo, e talvez pelo elevado custos deste equipamentos a disseminação desta solução tem sido lenta.

Para termos uma ideia quantificada, podemos dizer que a custos de referencia de Agosto de 2013:

  • O preço a granel dos pellets de madeira para aquecimento é 0,24 € por kg (IVA incluído);
  • O preço do gasóleo é 1,25 € por litro (IVA incluído);
  • O preço do gás propano é 2,10 € por kg (IVA incluído);
  • 1 litro de gasóleo equivale a cerca de 2 kg de pellets de madeira para aquecimento;
  • 1 kg de gás propano equivale a cerca de 2,5 kg de pellets de madeira para aquecimento.

Com estes dados, pode-se chegar às seguintes conclusões:

  • Para obter o efeito calorífico equivalente ao de 1 litro de gasóleo (o qual custa 1,25 €), serão necessários apenas 0,48 € de pellets de madeira para aquecimento;
  • Para obter o efeito calorífico equivalente ao de 1 kg de gás propano (o qual custa 2,10 €), serão necessários apenas 0,60 € de pellets de madeira para aquecimento.

Com estes valores, é possível verificar objectivamente as enormes vantagens económicas que a utilização de pellets de madeira como combustível para aquecimento oferece para si e para a sua família!

Para obter as maiores vantagens da utilização de um sistema de aquecimento baseado em pellets de madeira, dever-se-á ter em conta algumas recomendações, entre as quais deve-se destacar as seguintes:

  • Os pellets devem ser armazenados num local seco.
  • Os queimadores de pellets não devem ser instalados em caldeiras que estejam em lugares mal ventilados, ou sem protecção quando se encontrarem no exterior, ou em locais muito húmidos.
  • Deve-se pedir unicamente a um técnico especializado a instalação do sistema de aquecimento baseado em pellets de madeira.
  • A porta da caldeira a pellets não deve ser aberta enquanto estiver a funcionar.
  • Deve-se assegurar-se de que o combustível é de boa qualidade, isto é, não provoca a obstrução do queimador.
  • Deve-se assegurar que a caldeira alcança facilmente a temperatura de regime.
  • Deve-se controlar e verificar se a ignição e a combustão ocorrem normalmente.
  • Durante a limpeza habitual do queimador, se descobrir no interior resíduos semelhantes a esponjas, mas não muito duros (mas que não sejam cinzas),  apague o queimador e peça a substituição dos pellets ao seu fornecedor.

Os recuperadores de calor a pellets apresentam elevada autonomia (dependendo da potência de combustão do aparelho; um só carregamento de pellets possibilita um funcionamento contínuo de 12 a 36 horas) e elevado rendimento calórico (três vezes superior ao da lenha).

O tratamento dos pellets no seu fabrico confere-lhes níveis de humidade extremamente baixos e o seu tamanho reduzido permite dosear unidade a unidade a quantidade a queimar para a produção de energia, garantindo que a sua combustão seja muito eficiente. Os recuperadores de calor combinam as vantagens dos pellets com o sistema de ar forçado que possuem permitindo-lhes repartir uniformemente o ar quente produzido no seu interior pelos espaços a aquecer

A queima de pellets não produz fumos nem quaisquer cheiros, e não tem problemas de tiragem porque não contém resíduos, contrariamente ao que acontece com a lenha, ou com os sistemas de combustíveis fósseis. Por isso, os recuperadores de calor a pellets não necessitam de chaminé, bastando um tubo de respiração de 80 mm de diâmetro através de uma parede exterior.

Os recuperadores de calor a pellets têm um funcionamento extremamente silencioso, proporcionando um ambiente de tranquilidade no local onde estão instalados.

 A composição técnica dos pellets de madeira para aquecimento:

Perguntas

Porquê aquecimento a Biomassa?

Para obter o efeito calorífico equivalente ao de 1 litro de gasóleo (o qual custa 1,25 €), serão necessários apenas 0,48 € de pellets de madeira para aquecimento; Para obter o efeito calorífico equivalente ao de 1 kg de gás propano (o qual custa 2,10 €), serão necessários apenas 0,60 € de pellets de madeira para aquecimento. Com estes valores, é possível verificar objetivamente as enormes vantagens económicas, que a utilização de pellets de madeira, como combustível para aquecimento, oferece para si e para a sua família!

Como Funciona?

Os recuperadores de calor a pellets, funcinam pela queima de pellets numa fornalha (caldeira). Apresentam elevada autonomia (dependendo da potência de combustão do aparelho; um só carregamento de pellets possibilita um funcionamento contínuo de 12 a 36 horas) e elevado rendimento calórico (três vezes superior ao da lenha). O tratamento dos pellets no seu fabrico confere-lhes níveis de humidade extremamente baixos e o seu tamanho reduzido permite dosear unidade a unidade a quantidade a queimar para a produção de energia, garantindo que a sua combustão seja muito eficiente. Os recuperadores de calor combinam as vantagens dos pellets com o sistema de ar forçado que possuem permitindo-lhes repartir uniformemente o ar quente produzido no seu interior pelos espaços a aquecer. A queima de pellets não produz fumos nem quaisquer cheiros, e não tem problemas de tiragem porque não contém resíduos, contrariamente ao que acontece com a lenha, ou com os sistemas de combustíveis fósseis. Por isso, os recuperadores de calor a pellets não necessitam de chaminé, bastando um tubo de respiração de 80 mm de diâmetro através de uma parede exterior. Os recuperadores de calor a pellets têm um funcionamento extremamente silencioso, proporcionando um ambiente de tranquilidade no local onde estão instalados.

O aquecimento Biomassa altera a qualidade do ar?

Não.

O aquecimento Biomassa dá para climatizar mais que um espaço?

Sim.

Vende um aparelho sem conhecer o local onde vai ser instalado?

Na Filipe Pimentel Coelho Unipessoal, Lda, pretendemos a satisfação do cliente, pelo que não vendemos nenhum aparelho sem analisamos in loco e projetar-mos, tendo em conta as especificidades exigidas, e as pretensões do cliente.

Quais as Vantagens de comprar um aquecimento Biomassa?

Com as novas tecnologias, as Bombas de Calor mais avançadas são uma mais-valia para conseguir uma boa climatização com melhores prestações, mais economia de consumo e um maior respeito pelo meio ambiente.

Qual o período de garantia?

Normalmente, 3 anos após a instalação.

Quanto tempo dura um aquecimento Biomassa?

Com a manutenção apropriada, um aquecimento a Biomassa dura entre 15 e 20 anos.

Um aquecimento a Biomassa, consome muita energia?

O consumo de energia não é muito elevado e pode ser consultado nas características técnicas de cada equipamento. O sobredimensionamento ou subdimensionamento, de um equipamento, leva ao desgaste de algumas das componentes do equipamento e a uma diminuição do tempo de vida do mesmo. Contudo, na Filipe Pimentel Coelho Unipessoal, Lda, temos a preocupação de proporcionar aos nossas clientes um elevado e rigoroso estudo, que proporciona uma avaliação das reais necessidades, para a dimensão do espaço a climatizar, evitando assim custos acrescidos de manutenção e à substituição prematura dos equipamentos.

Quanto tempo demora uma instalação?

Em condições normais, uma instalação demora um dia.

Fazem instalação completa?

Na Filipe Pimentel Coelho Unipessoal, Lda, temos uma equipa técnica alargada, que permite a realização de todos os trabalhos inerentes à montagem dos equipamentos.

Porquê comprar no Filipe Pimentel Coelho Unipessoal, Lda?

Estamos no mercado desde1999, com uma equipa técnica competente e reconhecida e proporcionamos as melhores soluções com uma elevada eficiência no atendimento. Veja os testemunhos dos nossos clientes.

A garantia, abrange a manutenção?

Normalmente não. Contudo, numa situação de manutenção as peças que eventualmente estejam defeituosas, podem estar abrangidas pela garantia.

Que manutenção é necessária e qual o seu custo?

Num aparelho usado regularmente é aconselhada uma manutenção anual. O custo desta manutenção ronda os €100,00, por equipamento. Contudo, na Filipe Pimentel Coelho Unipessoal, Lda, temos uma politica de proximidade e acompanhamento do cliente, pelo que proporcionamos pacotes de manutenção ajustados às suas necessidades.

Porque fazer um contrato de manutenção?

Porque ao fazer um contrato de manutenção, está a ter um acompanhamento técnico profissional por parte da equipa da Filipe Pimentel Coelho Unipessoal, Lda, que lhe vai prolongar o ciclo de vida do seu aparelho, evitando avarias desnecessárias, a criação de fungos e bactérias, permitindo usufruir do seu investimento a uma capacidade plena.

Parceiros